Mostra ‘Memória das Artes Visuais’ apresenta documentários sobre artistas amazonenses no Cineteatro Guarany

Foto: Divulgação

A “Mostra Memória das Artes Visuais” exibirá curta-metragens sobre artistas amazonenses no Cineteatro Guarany (Vila Ninita, anexo ao Centro Cultural Palácio Rio Negro, avenida Sete de Setembro, Centro) neste sábado, às 18h30 O evento é gratuito, e para prestigiar é preciso agendar vaga pelo Portal da Cultura.

O espaço irá funcionar com 50% da capacidade, com poltronas separadas, totens de álcool em gel e aferição de temperatura, conforme as normas de segurança e prevenção contra a Covid-19.

Os documentários exibidos serão:

“Buy Chaves – O Primitivismo Fantástico” (22:26): o artista relata sua trajetória com detalhes de sua busca pela expressão visual primitiva fantástica.

“Jandr Reis – Abstração da Flora Amazônica” (14:47): discorre sobre os trabalhos atuais do artista, suas experiências técnicas e temáticas abstratas sob influência da visualidade da vegetação selvagem amazônica.

“Hahnemann Bacelar por Adélia – A Mãe conta o Artista” (36:31): apresenta a narrativa apaixonada de Adélia Bacelar sobre as versões da morte do artista em Belém, em 1970.

“Moacir Andrade – Cidadão Memória” (28:41): traz momentos relatados pelo consagrado artista, além de apresentar a construção de sua brilhante e reconhecida carreira como pintor, escritor e pesquisador histórico e antropológico.

Todos os documentários têm roteiro e direção assinadas pelo artista plástico Sérgio Vieira Cardoso, com o objetivo de registrar a memória das artes no Amazonas.

(*) Informações da assessoria