Motorista de aplicativo é esfaqueado ao reagir a assalto no Puraquequara

Foto: Jhonata Lobato

Parece que os motoristas de aplicativo não tem descanso mesmo. Mas uma tentativa de latrocínio aconteceu na noite desta terça-feira (3). A vítima é Eldo Cantuário, de 37 anos, ele estava fazendo uma corrida para um homem, ainda não identificado, por volta das 21h, quando foi assaltado e depois esfaqueado no braço. Toda a ação criminosa aconteceu na rua Capitão Anísio, bairro Puraquequara, Zona Leste de Manaus.

Segundo informações da própria vítima, ele tinha aceitado a corrida de uma mulher, cliente vip do aplicativo, mas quem embarcou foi o suspeito, com destino ao Puraquequara. Quando eles chegaram no local, o passageiro anunciou o assalto e desferiu golpes na vítima, que tentou reagir, mas como estava com o cinto de segurança, não teve êxito e ficou muito ferido. O suspeito levou o celular, a carteira e o dinheiro do motorista.

Após a ação criminosa, populares chamaram os profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que o levaram para uma base e depois o conduziram para o Hospital e Pronto Socorro Platão Araújo.

Para os socorristas, a vítima contou ainda que o assaltante queria matá-lo. Pois durante os golpes, ele mirava no peito, mas como Eldo colocava o braço para se defender, o suspeito errou a mira ocasionando várias perfurações no braço direito.

Os policiais militares realizaram patrulhas pelas redondezas, mas até agora não encontraram o suspeito.