MP vai investigar suposto envolvimento de PMs na morte de jovem no Educandos

Segundo a família de Luiz Henrique, o jovem voltava de uma partida de futebol quando foi abordado por uma viatura policial

O Ministério Público do Amazonas (MP-AM) resolveu instaurar Procedimento Administrativo n.º 09.2022.00000139-2 para apurar o suposto envolvimento de policiais militares na morte de Luiz Henrique Coelho de Andrade, de 21 anos, ocorrida no último sábado (26), no bairro de Educandos, na zona Sul de Manaus. O procedimento foi assinado pelo promotor de Justiça, João Gaspar Rodrigues, e foi instaurado após denúncia encaminhada ao órgão em supostas irregularidades na conduta policial que teria ocasionado na morte do jovem.

O MP vai apurar indícios sobre o suposto homicídio praticado pelos policiais militares contra Luiz Henrique, que segundo os amigos do jogador de futebol disseram à família, os PMs haviam pegado Luiz Henrique e pedido para ele pular no Rio Negro, próximo à Feira da Panair, o que fez com que ele se afogasse.

A família do jovem acusa policiais militares pela morte de Luiz Henrique. Já a Polícia Militar do Amazonas (PMAM), informou ao Radar Amazônico que vai investigar o suposto envolvimento de policiais neste caso. A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) disse, em nota, que qualquer cidadão pode procurar a pasta e denunciar possíveis irregularidades pelos canais da SSP-AM.

Relembre o caso

O corpo do jovem identificado como Luiz Henrique Coelho de Andrade, de 21 anos, foi encontrado após 11h de buscas, na tarde desse sábado (26), na orla do Rio Negro, no bairro Educandos, zona Sul de Manaus. O jovem havia desaparecido em uma área localizada atrás da Feira Municipal da Panair, na Rua Vista Alegre, no mesmo bairro onde foi encontrado.