Anúncio

MPE e forças de segurança alinham força tarefa para conter crime organizado no Estado

Após Manaus registrar um cenário da guerra travada entre facções criminosas, resultando numa série de mortes com características de execuções desde semana passada, o Procurador-Geral de Justiça Carlos Fábio Braga Monteiro se reuniu com a cúpula da Segurança Pública do Amazonas. O encontro aconteceu nessa quarta-feira (25), na sede da Procuradoria-Geral de Justiça.

De acordo com Fábio Monteiro, o objetivo da reunião foi definir a estratégia de atuação do Ministério Público Estadual (MPE-AM) junto à Força-Tarefa montada pelas forças de segurança para conter a violência causada pelos confrontos diários entre criminosos, gerando insegurança em toda a sociedade.

O procurador afirmou que será alinhado um procedimento para acompanhar o trabalho da secretaria de segurança e o PGJ também destacará Promotores de Justiça para atuar no apoio à Força-Tarefa criada pela polícia de várias formas, entre elas, agilizando demandas judiciais de competência do MPE.

Com resultado da reunião, o órgão ministerial passa a atuar de forma integrada com as forças de segurança do estado. O compartilhamento de informações, estruturas técnica e de pessoal deve iniciar já na próxima semana.

“Parte das medidas concretas que serão tomadas a partir de agora, do ponto de vista institucional, contribuirá de forma efetiva para auxiliar o Estado no combate a esse tipo de criminalidade. Então, nos colocamos à disposição nas tratativas com o Governador, temos instrumentos próprios de atuação em rede nacional, tanto com órgãos de atuação em Brasília, como também em determinados segmentos que se fizeram necessários, nossos equipamentos e infraestrutura que temos no GAECO (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), os investimentos em equipamentos que fizemos ao longo desses anos, como também a possibilidade de colocar a estrutura dos GAECOS dos outros Estados à disposição da Secretaria de Segurança, além da expertise e conhecimento dos Agentes e Membros dos GAECOS no país”, afirmou o Procurador-Geral de Justiça.

Para o secretário estadual de segurança pública, Anézio Brito de Paiva, a reunião foi extremamente positiva e estratégica. “Precisamos muito da parceria do Ministério Público, temos certeza que vamos obter resultados positivos o quanto antes no combate ao crime organizado”, disse o secretário.

Também participaram do encontro o Subprocurador-Geral de Justiça para Assuntos Jurídicos, Pedro Bezerra Filho, o secretário de administração penitenciária, Cleitman Rabelo Coelho, o secretário de inteligência, Herbert Lopes, o delegado-geral da Polícia Civil, Mariolino Brito e o Comandante da Polícia Militar, David Brandão.

Fonte: MPE-AM