MPF entra na Justiça para garantir atendimento de saúde em Guajará

 

Ministério Público Federal do Amazonas (MPF-AM) entrou com uma ação civil pública para garantir atendimento adequado de saúde básica no município de Guajará (a 1.494 quilômetros de Manaus). Na ação, o MPF pede que a Justiça Federal determine à União e ao município a apresentação de um plano para adequação do serviço, que inclua a cobertura de atendimento a moradores da sede do município e da zona rural, no prazo de seis meses.

O município de Guajará está situado no extremo sul do Estado do Amazonas, com população de 16.339 habitantes, conforme estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com mais de 7,5 mil quilômetros quadrados de área, o município tem quase metade da população localizada na zona rural, em cerca de 90 comunidades de difícil acesso, tanto por via terrestre quanto fluvial.

Para o atendimento em saúde da população, o município de Guajará conta com um hospital, três unidades de atenção primária e um núcleo de apoio à saúde da família em funcionamento, com cinco equipes de saúde da família que não atendem a área rural, segundo informações prestadas pela própria prefeitura.

Apesar de ter quase a metade da população na zona rural, os dois postos de atendimento à saúde instalados na área estão inoperantes, conforme verificado por inspeções in loco realizadas pelo MPF em 2015 e 2017, como parte do projeto MPF na Comunidade.

Confira ação na íntegra

Com informações da assessoria do MPF-AM