“Não existe caos na Saúde de Coari, o caos é político que só pensa nos seus interesses”, diz o prefeito

O prefeito de Coari, Raimundo Magalhães, em resposta a denúncia de que existiria o caos na saúde pública do município, classificou de caótica a tentativa de desqualificar um trabalho que está sendo feito há apenas 10 meses – ele assumiu em abril do ano passado – por parte de “políticos que só pensam nos seus interesses, ao invés de lutar pelos interesses de Coari”. Magalhães disse que o hospital de Coari está de portas abertas pra receber qualquer profissional de imprensa, ou qualquer cidadão, assim como esteve aberto para o vereador Keiton Pinheiro checar o que bem entendeu”.

Magalhães teve que se ausentar de Coari porque sua mãe estava internada em estado grave, no estado do Acre – ela faleceu nesta quarta-feira (10). Ele determinou que fosse feita imediatamente, pela secretaria de Saúde de Coari, um levantamento para checar as denúncias feitas pelo vereador Keiton Pinheiro, e o ex-diretor do hospital de Coari, Marley Plácido, exonerado do cargo em outubro do ano passado, exatamente por má administração frente aquela unidade hospitalar.

IMG-20160209-WA0051A atual diretora do Hospital Regional de Coari (HRC), enfermeira pós-graduada em gestão hospitalar e gestão em Saúde, pela Fundação Getúlio Vargas e Hospital Sírio Libanês, Zudimarina Soares de Castro, afirmou que os esforços empreendidos nesse curto período de governo melhoraram significativamente a qualidade do atendimento em toda a rede de Saúde do município.

IMG-20160209-WA0053

Incubadora neonatal

Ela apontou as ações desenvolvidas e abriu os setores do hospital para verificação: “O HRC fechou 2015 com um total de 454.754 atendimentos ambulatoriais e hospitalares, também foi contemplado com diversas melhorias: o mamógrafo que estava parado há pelo menos três anos foi colocado para funcionar e 880 mulheres puderam realizar seus exames de mamografia.   Em parceria com o Governo do Estado foram adquiridos equipamentos como: 2 aspiradores, 1 mesa cirúrgica, 1 mesa de parto, 1 mesa ginecológica, 2 desfibriladores, 2 carrinhos de anestesia, 5 macas, 10 leitos, 3 poltronas e 1 incubadora neonatal (veja mais fotos no final da matéria).   A farmácia do hospital está abastecida de todos insumos básicos como soro, seringas, gaze, esparadrapo, antibióticos, analgésicos e anestésicos e outros medicamentos que são necessários para o funcionamento da unidade. Os esterilizantes e materiais de assepsia e limpeza também têm em grande quantidade”.

IMG-20160209-WA0037

Material hospitalar em grande quantidade

Zudimarina mostra em seu levantamento que todas as campanhas de vacinação alcançaram as metas; o Programa Saúde Ribeirinha tem levado vacinação, consultas médicas, entrega de medicamentos, coletas de exames preventivos, planejamento familiar, serviços odontológicos, atualização do bolsa família, cartão sus, nutrição, serviço social, dentre outros atendimentos à zona rural; os mutirões do Programa Mais Especialidades, realizados em parceria com o Governo Estado, no HRC e na Policlínica Municipal têm garantido a centenas de cidadãos coarienses atendimentos nas áreas de: neurologia, endocrinologia, oftalmologia, fisioterapia, nutrição e serviço social. Além de exames de ultrassonografia e eletrocardiograma”, explicou a diretora.

Sem espera

A diretora apontou números que demonstram que não há mais filas de espera por cirurgias oftalmológicas. As cirurgias devolveram a visão a 307 pacientes, que em sua maioria esperavam há mais de três anos pela cirurgia. Além das cirurgias oftalmológicas também foram realizadas 60 cirurgias de lábio leporino (fissuras palatal) e 1.015 cirurgias eletivas.   Foi implantado e está em pleno funcionamento o Programa Remédio em Minha Casa, levando medicação gratuita à residência pacientes hipertensos. O incansável trabalho dos agentes da gerência de epidemiologia garantiu que o município encerrasse 2015 zerando o número de casos de dengue. E, até apresente data está sem nenhum caso de dengue registrado. “Diante disso, onde é que está o caos na saúde pública de Coari?”, questionou a diretora.

IMG-20160209-WA0041

IMG-20160209-WA0044

IMG-20160209-WA0081 (1)

IMG-20160209-WA0047

IMG-20160209-WA0049

IMG-20160209-WA0057

IMG-20160209-WA0061

IMG-20160209-WA0062

IMG-20160209-WA0063

IMG-20160209-WA0066

IMG-20160209-WA0068