Nesta segunda-feira (01), tem secretário na mira da Justiça por calúnia, difamação e ameaça

Elvys Damasceno

O Secretário Municipal de Juventude, Esporte e Lazer, Elvys Damasceno será julgado na manhã desta segunda-feira, 01 de setembro, no Fórum Desembargador Mário Verçosa, localizado na Rua Alexandre Amorim, Nº 285, Bairro de Aparecida, centro de Manaus, por injúria, calúnia e difamação feitas ao jornalista e blogueiro Marcell Mota.

O fato aconteceu em junho do ano passado, quando Elvys ainda exercia a função de subsecretário na Semdej, e o jornalista noticiou em seu blog pessoal (www.blogdomarcellmota.com.br) uma denuncia onde Elvys estaria na época se “utilizando da máquina pública para benefício próprio”, através de convênios entre a secretaria e a Federação de Jiu-jítsu do Amazonas (FJJAM), época em que o secretário acumulava as funções de presidente da federação e subsecretario, denuncia esta que foi acatada pelo Ministério Público (MP), que por sua vez, pediu ao secretário o afastamento de imediato da função de presidente da federação.

Em resposta, ao invés de provar que não teria se locupletado de dinheiro público para fins particulares, o dito subsecretário, hoje secretário Elvys Damasceno, fez foi usar as redes sociais para ameaçar, caluniar e denegrir a imagem do jornalista.

Se condenado, o secretario terá que pagar ao jornalista a quantia de 40 salários mínimos, o equivalente a R$28.960,00 (vinte e oito mil novecentos e sessenta Reais), valor cobrado pela causa indenizatória.

A audiência e o julgamento do caso acontecerá as 10:00hs, desta segunda-feira, 01,  no Fórum Desembargador Mário Verçosa, localizado na Rua Alexandre Amorim, Nº 285, Bairro de Aparecida, centro de Manaus.