Netinho e Carlinhos Silva são denunciados por homofobia e transfobia

Aliança Nacional LGBTI+ vai formalizar uma denúncia crime contra o cantor Netinho da Bahia e o humorista Carlinhos Silva por crimes de ofensas homofóbicas e transfóbicas. O comunicado foi feito por Agripino Magalhães, ativista e suplente de deputado estadual em São Paulo.

“Desde que a LGBTIfobia foi equiparada ao crime de racismo no STF, qualquer LGBTI+ que se sentir ofendido por uma ofensa — homofóbica ou transfóbica — pode processar o autor uma vez que não se trata de um mero crime de injúria pessoal, mas sim de ofender toda uma população LGBTI+, um grupo de pessoas”, esclareceu o ativista.

“Iremos abrir denúncia crime no ministério público de São Paulo por crimes de ofensas homofóbicas e transfóbicas proferidas pelo cantor Netinho da Bahia e Carlinhos Silva (Mendigo). Irão responder na JUSTIÇA”, complementou.
A denúncia contra Netinho é motivada por declarações ao deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para o canal O Brasil Precisa Saber. Na ocasião, o artista disse que a comunidade LGBT pensa “com o fiofó”

Já Carlinhos Silva fez uma série de publicações ofensivas, ironizando a participação de Thammy Miranda na campanha de Dia dos Pais da Natura.