No JN, Felipe Neto comenta ataques: ‘Nível de perseguição que não imaginei’ 

reprodução Tv Globo

Felipe Neto deu uma entrevista ao Jornal Nacional na noite de hoje, em que falou sobre a ação orquestrada de grupos para sujar sua imagem nas redes sociais.

O influencer comentou sobre um ataque que recebeu em frente à sua casa ontem, quando o carro de som parou na entrada do condomínio onde ele mora, no Rio, com mensagens contra o youtuber.

“Virem atrás de mim, dentro da minha casa, é um nível de perseguição que eu não imaginei que aconteceria. Sabe aquele vilão de novela, que você fala assim: não existe na vida real? Mas existe. Ele está aí, ele acontece. E eu estou vendo agora na prática até onde as pessoas são capazes de ir”, disse Felipe.

Felipe disse que se conforma em ser cobrado por possíveis erros que tenha cometido no passado, mas que não aceita ser perseguido ou alvo de mentiras. A reportagem mostrou que perfis em redes sociais fazem montagens para associar o youtuber a mensagens pedófilas, comprovadamente falsas.

“Não minta. Não tente atacar com ódio, raiva e vontade de arruinar a vida da pessoa. O que está acontecendo comigo hoje pode acontecer com sua família. Tenha responsabilidade usando as redes sociais. As pessoas manipulam justamente as que fazem o encaminhamento. Não seja manipulado por essa orquestra”, disse ele em outro trecho da conversa.

Felipe afirmou que pretende processar quem mentir contra ele nas redes sociais e o autor do ato na porta de seu condomínio.