Noite de exaltação do Rio Amazonas, cantada pela ciranda Flor Matizada, encanta o público lilás e branco

matizada rio 1

Com mais de 12 mil pessoas presentes no Centro de Convenções Parque do Ingá, o “Cirandódromo”, em Manacapuru, ficou pequeno para a grande quantidade de pessoas que prestigiaram a apresentação da Ciranda Flor Matizada no 18o Festival de Cirandas e que encantou o público com o tema “Rio Amazonas: o roteiro da vida silvestre”. Lendas e acontecimentos típicos da região reforçaram a grandiosidade, beleza e mistério do maior rio do Mundo. A empresa Ben Marketing, em cooperação da Mode On Eventos, operacionalizou toda a logística dentro do cirandódromo, o que garantiu o brilho do festival.

O primeiro momento da apresentação reproduziu o nascimento do rio Amazonas onde o cantador Erinho desceu do alto, do bico de um condor e entoou a cantada Berço Iluminado, com a transformação do rio ainda em Machu Pichu, no Peru, passando pelo degelo numa coreografia sincronizada do cordão de entrada, que surgiu da alegoria que representa os Andes.

A porta cores Fernanda Saboia surpreendeu a torcida Família Matizada (Fama) e a todos os torcedores Lilás e Branco ao surgir do alto da Cobra Grande, que aterroriza os navegantes do rio Amazonas. A torcida, sempre animada, participava de todos os momentos da apresentação com acessórios e coreografias.

Ainda durante a apresentação da “Ciranda mais amada do Brasil”, lendas amazônicas como a do Boto, que seduz as mulheres ribeirinhas e as engravida, lenda do encontro das águas, da Irara, entre outros foram representadas e encenadas. Outro momento que marcou a apresentação da Matizada foi a princesa cirandeira Thaís Batista, que surpreendeu o público ao aparecer do alto numa alegoria de beija-flor. Em outro momento a cirandeira bela Camila Marques,  evoluiu com desenvoltura e carisma.

A torcida Fama também interagiu em todos os momentos com a ciranda até o final, surpreendendo a todos com objetos e adereços que fizeram parte do contexto histórico da apresentação e que conta pontos para a escolha da melhor torcida do festival.

PÚBLICO RECORDE NO PARQUE DO INGÁ

Logo após a apresentação da Flor Matizada,  a cantora Anitta levou o público ao delírio com a presença de mais de 30 mil no Parque do Ingá no momento do show e de 100 mil visitantes em Manacapuru na noite de sábado, batendo todos os recordes dos festivais de cirandas.

Canções memoráveis como “Show das Poderosas”, Blá, blá, blá”, “Zen”, “Menina Má”, entre outros estavam no repertório. O fã clube oficial da cantora foi até Manacapuru prestigiar  o evento e contou com fãs que vieram do Rio de Janeiro. Logo após a apresentação, Anitta atendeu o fã clube para fotos, convidados e a imprensa .

matizada rio 2

matizada rio 3