Anúncio Advertisement

O desabafo da professora doutora (ver vídeo)

Na manhã dessa quinta-feira (23) foi enviado ao WhatsApp do Radar um vídeo tocante por mostrar a realidade de uma professora de Parintins que passou anos se especializando para dar o melhor de si aos seus alunos. Ela tem especialização, mestrado e doutorado e, no entanto, ganha menos que determinados cargos de nível médio do governo onde, em alguns casos, os apaniguados nomeados para esses cargos sequer vão trabalhar.

A professora, que se autodenomina de “cabocla que veio lá da zona rural e que o pai não sabia ler e escrever” fala com a voz chorosa sobre sua dedicação aos estudos e a educação e sobre o título de Doutora que parece só importar para sua família e não para os governantes – isso não dá em A Crítica!