OAB presidida pelo recém contratado advogado de Artur Neto vai dar assistência jurídica gratuita a órgão da prefeitura

AOB e artur capa

A Ordem dos Advogados do Brasil, seccional do Amazonas, (OAB-AM), anunciou na quinta-feira passada (30) que, por meio das Comissões Pró Bono e OAB Mulher, vai “prestar assistência jurídica gratuita às mulheres em situação de violência física, psicológica, sexual, moral ou patrimonial” que estiverem sendo acompanhadas pelo Centro de Referência dos Direitos das Mulheres (CRDM) da Prefeitura de Manaus gerenciado pela secretaria da primeira-dama do município, Goreth Garcia.

A informação se tornou pública através da vice-presidente da OAB-AM, Adriana Lo Presti Mendonça, durante a solenidade de inauguração do Centro de Referência dos Direitos das Mulheres (CRDM), no bairro Flores, zona centro-sul de Manaus. A primeira-dama e secretária municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh), Goreth Garcia, não estava presente ao evento, assim como o presidente da OAB-AM, Marco Aurélio Choy, também não esteve por lá.

Mas não precisou a presença de Choy para que chegasse aqui no nosso Radar questionamentos sobre o apoio da OAB a órgão criado pela Prefeitura de Manaus as vésperas do período eleitoral e logo depois de se tornar pública a notícia de que o prefeito Artur Neto contratou o presidente da OAB do Amazonas para ser seu advogado de campanha. Além de Choy, o prefeito teria contratado ainda o advogado que representa o senador Eduardo Braga nas ações contra o governador José Melo na Justiça Eleitoral, Daniel Nogueira.

Porém, mesmo com as contratações de Choy e Nogueira, as informações são de que o prefeito não pretende dispensar de seu staff jurídico o advogado de defesa do governador José Melo no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Yuri Dantas – pelo jeito, não tá faltando dinheiro pra contratar advogado, né mesmo gente? E será que o salário do prefeito vai dar pra pagar? Ou quem vai pagar essa conta?

Mas, voltando a assessoria jurídica gratuita da OAB de Choy para órgão da Prefeitura de Artur, também há quem diga que é uma mera coincidência. Será? (Any Margareth)