Obra de revitalização da avenida Buriti será entregue em até 30 dias

Foto: Alex Pazuello / Semcom

Mais de cinco quilômetros de extensão da avenida Buriti, principal via de acesso entre as zonas Sul e Leste pelo Distrito Industrial, serão reconstruídos. A obra tem prazo aproximado de 30 dias para ser concluída. Nesta terça-feira (6), o prefeito Arthur Virgílio Neto vistoriou o andamento da obra, realizada pela Prefeitura de Manaus em parceria com a Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa).

Segundo o prefeito, a avenida Buriti é a principal via de acesso para entrada e saída de insumos e produtos do Distrito Industrial. Ele ressalta que, por sua extensão, a avenida faz uma ligação perfeita com o restante da cidade.

“O trabalho é muito grande, estamos fazendo a retirada completa de massa asfáltica com uma máquina de última geração”, explicou o prefeito Arthur Neto, acompanhado do superintendente da Suframa, general Algacir Polsin.

A recuperação da avenida Buriti é uma das mais esperadas por quem trafega pelo Distrito Industrial. Os trabalhos, que começaram no início desta semana, contemplam a retirada total do antigo asfalto e 20 centímetros da base para que ela seja reestruturada com Brita Gramada Simples (BGS) e, posteriormente, receba a compactação e asfaltamento. Uma máquina recicladora de última geração está sendo utilizada para dar agilidade e qualidade ao trabalho.

O prefeito explicou ainda que, pelo tempo em que as obras ficaram paradas, em algumas vias o trabalho está sendo refeito. “É como se estivéssemos começando, mas está saindo. Para mim, é um sonho se realizando e será uma honra entregar para a cidade um Distrito Industrial revitalizado, à altura do que representa a Zona Franca para Manaus. Será um verdadeiro cartão-postal”, declarou.

Acompanhando o desempenho nos trabalhos, o superintendente da Suframa, Algacir Polsin, explicou que a proposta é revitalizar, de fato, o Distrito Industrial e que a parceria com a Prefeitura de Manaus é vital.

“Esse é o coração do modelo Zona Franca de Manaus e temos que investir pesado nisso e uma boa forma é revitalizá-lo. Essa parceria com a prefeitura é muito importante, porque ela não só está executando as obras com os prazos e a qualidade repactuados, mas também já está atuando no paisagismo, na iluminação e na sinalização”, disse o superintendente da Suframa.

Revitalização

As obras do Distrito Industrial estavam, temporariamente, suspensas e foram retomadas no último dia 2 de outubro, após serem solucionados os entraves burocráticos. O projeto contempla a recuperação de 35 vias e a reconstrução total das rotatórias da Suframa (já finalizadas) e da Samsung.

Com a repactuação, os recursos destinados às obras são de R$ 136 milhões por parte do governo federal, via Suframa, e a Prefeitura entra com a contrapartida de R$ 20 milhões, incluindo a iluminação de lâmpadas de LED e sinalização de trânsito.

Além disso, a Comissão Especial de Paisagismo e Urbanismo, presidida pela primeira-dama Elisabeth Valeiko Ribeiro, é responsável pelo plantio de mudas ornamentais, recuperação de calçadas e outras ações já iniciadas pela avenida Ministro João Gonçalves Dias, que recebeu 70 mudas da espécie arbórea oiti.

Trânsito

Durante a realização do recapeamento nas avenidas Solimões e Buriti, agentes do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) vão manter o monitoramento do fluxo de veículos no local. As áreas com recapeamento estão sinalizadas com cones para indicar os desvios aos condutores.

O trânsito no sentido Centro/bairro da avenida Solimões está interditado, no trecho próximo à rotatória da Gillette. Nesse perímetro, a via fica em contra fluxo no sentido oposto. Já na avenida Buriti, não há necessidade de intervenção.

(*) Com informações da Assessoria