Omar Aziz afirma que o investimento no interior do Amazonas respeitará a sazonalidade das regiões

Foto: Alex Pazuello

O senador e candidato a governador do Amazonas, Omar Aziz (PSD), disse, durante debate na TV Em Tempo, na manhã desta terça-feira (29/8), que o investimento na economia do interior do Amazonas respeitará a sazonalidade de cada região e será realizado também por meio do investimento em pesquisa.

“O homem do interior não tem que se adaptar ao que eu quero. Ele tem que se adaptar a vocação que cada região possui. E toda a nossa economia no interior do Amazonas é sazonal. São três meses de peixe, três meses de borracha, três meses da castanha, três meses do açaí”, disse Aziz.

Aziz ressaltou que é preciso ter conhecimento sobre essa realidade para poder gerar oportunidade para as pessoas que vivem em regiões distantes dos grandes centros. “Possuo experiência para resolver o problema e isso já demonstrei quando no meu governo gerei oportunidades para milhares de amazonenses e vou fazer de novo”, completou.

O candidato reforçou que o investimento em pesquisa e desenvolvimento é essencial para a geração de emprego sustentável. A parceria com instituições como o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária fazem parte da estratégia para o desenvolvimento de pesquisas no Estado. “É possível, fizemos isso com o projeto do açaí, que a Coca-Cola compra todo o açaí produzido no Amazonas”, acrescentou.

DESEMPREGO – Omar lembrou que o desemprego no Amazonas está acima de 20% e que no seu governo, entre 2010 e 2014, era de menos de 6%. “O distrito industrial empregava 139 mil operários, havia outros milhares de empregos na construção civil. Vamos investir na qualificação para a indústria 4.0 para que os nossos jovens estejam preparados para o futuro”, disse.

Ao finalizar o debate, Omar afirmou que dará vida digna para milhares de amazonenses e que não há outra forma que não seja o trabalho. “Pode confiar. Com o Omar como governador você terá segurança que o Estado do Amazonas retomará o crescimento econômico, que a zona franca estará segura, que o interior do Estado será desenvolvido”, finalizou.

Matéria de responsabilidade da assessoria do candidato.