Pai de atleta morre ao saber de conquista inédita da filha em Mundial

A atleta paralímpica Cátia Oliveira subiu, para receber a medalha de prata na categoria de SF1-2 de tênis de mesa, do Campeonato Mundial Paralímpico da Eslovênia. Poucas horas depois de conquistar a inédita conquista, a atleta recebeu uma triste notícia.

O pai dela, Flávio Alves, morreu após sofrer uma parada cardiorrespiratória, em São Paulo, quando soube que a filha tinha conquistado seu primeiro Mundial.

Segundo o Lance, Cátia, bastante emocionada, fez questão de subir ao pódio para homenagear o pai, que era quem sempre lhe colocava as medalhas ao peito, quando tinha oportunidade.

Fonte: Notícias ao Minuto