Paris propõe inclusão de break dance na Olimpíada de 2024

O Comitê Organizador da Olimpíada de Paris-2024 apresentou nesta quinta-feira (21) a proposta da inclusão do break dance no evento que será realizado daqui cinco anos. A lista com quatro modalidades extras ainda inclui escalada, skate e surf, que já estão confirmados para os Jogos de Tóquio, em 2020.

O break dance, que no Brasil é conhecido popularmente só como break, é uma dança acrobática que cresceu na cultura do hip-hop. A modalidade é anexada à Federação Mundial de Dança Desportiva (WDSF) e já fez parte dos Jogos Olímpicos da Juventude, disputado no último ano em Buenos Aires.

O presidente do comitê Paris-2024, Tony Estanguet, disse que a escolha se adequa ao desejo de os Jogos “se conectarem com os esportes que atingem todo o mundo para trazer uma dimensão mais urbana e mais artística ao esporte”.

A proposta com as quatro modalidades ainda precisa ser validada pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) até dezembro de 2020 para ser confirmada no programa olímpico, que atualmente conta com 28 esportes.