Pela primeira vez uma mulher é eleita diretora do Inpa

A bióloga Antônia Maria Ramos Franco Pereira será a primeira mulher a assumir a diretora titular do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTIC). Ela foi nomeada na última quarta-feira (5) e o Termo de Posse deverá ser assinado pela pesquisadora nos próximos dias. Antônia Franco estará à frente do Instituto pelos próximos quatro anos.

O mandato do então diretor Luiz Renato de França encerrou no dia 14 do mesmo mês e desde então, a pesquisadora Hillândia Brandão exerce a função como diretora substituta.

De acordo com informações do Inpa, Antônia Franco atualmente é coordenadora do foco de pesquisa Sociedade, Ambiente e Saúde e lidera o Laboratório de Leishmaniose e Doença de Chagas do Instituto.

Referência mundial nos estudos da biodiversidade e ecossistemas Amazônicos, o Inpa é uma instituição com 64 anos de funcionamento.

Processo

Cinco candidatos se inscrevem no processo de seleção (um foi eliminado por não cumprir todas as etapas), composto por inscrição, análise curricular, apresentação pública do plano de trabalho e visão de futuro para o Inpa e entrevista fechada com o Comitê.

Após as etapas, o Comitê de busca elaborou uma lista tríplice que foi encaminhada ao Ministro do MCTIC, Gilberto Kassab.

Com informações da assessoria do Inpa