Perícia paga por Lula diz que Odebrecht fraudou provas em delação

Uma perícia contratada pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirma que a empreiteira Odebrecht apresentou provas falsas à Justiça em relação aos repasses de propinas registrados no sistema de contabilidade paralela da empresa, o Drousys.

De acordo com a coluna Painel da ‘Folha de S. Paulo’, o perito responsável pelas análises aponta marcas de montagens em extratos entregues pela empreiteira ao Ministério Público Federal (MPF) para incriminar o petista, além de inconsistências em datas de transações e em assinaturas.

Os documentos analisados integram a ação da Lava Jato contra Lula que investiga o uso do apartamento vizinho ao do ex-presidente, em São Bernardo do Campo. Segundo a acusação, o imóvel foi custeado pela Odebrecht como pagamento de propina.

A publicação pontua que o perito que analisou estes últimos documentos é o mesmo que atestou a validade formal dos recibos apresentados por Lula como prova de que o aluguel do imóvel foi pago por ele.

Fonte: Notícias ao Minuto