“Pesquisa Fanta, Sukita ou Bizz Cola?”; Esculacham internautas após nova pesquisa DMP Tiradentes em Coari

Esta quinta-feira (21) foi um dia de muita agitação nas redes sociais do município de Coari que “explodiram” em esculacho de tudo que é jeito. O motivo foi que, após a determinação da Justiça Eleitoral para novas eleições em Coari, o instituto DMP/Rádio Tiradentes divulgou uma pesquisa para o pleito suplementar a ser realizado no município.

Imagina que, segundo o instituto de pesquisa, que é de ninguém menos do que do empresário Ronaldo Tiradentes, o seu sobrinho, Robson Tiradentes Jr (PSC) está atualmente numa espécie de empate técnico, com diferença de apenas três pontos percentuais, com o vice-prefeito que foi eleito na chapa de Adail Filho em 2020, o ex-vereador Keitton Pinheiro (PP).

Bom lembrar que Robson Tiradentes Jr é o mesmo que perdeu com diferença de mais de 13 mil votos em 2020 exatamente para Keitton Pinheiro e Adail Filho e, segundo a atual pesquisa do titio dono do instituto, conseguiu o milagre de tirar uma diferença de milhares de votos e agora estar empatado com seu adversário que será o candidato do grupo político de Adail Filho nas eleições suplementares.

Nas redes sociais, os internautas parafrasearam Amazonino Mendes que, em 2017, classificou de “Fanta” uma pesquisa de Tiradentes que apontava queda de popularidade com apenas um mês após ser eleito governador para um mandato suplementar. Mas teve internauta dizendo que as pesquisas de Tiradentes já erraram tanto que não são nem mais Fanta, uns disseram que já é Sukita, mas outros disseram não passar de pesquisa Bizz Cola.

Errou feio! 

Em 2020, a DMP/Rádio Tiradentes apontou na pesquisa que Robson Tiradentes Jr (PSC) já estaria com 33% das intenções de voto e Keitton Pinheiro (PP) com 30%. Mas os resultados das pesquisas tem passado muito longe da margem de erro. Um exemplo foi a pesquisa divulgada em julho de 2020, que mostrava Adail Filho com 40% das intenções de voto. O grupo político da família Pinheiro finalizou o pleito eleito com 59,45% dos votos. Um erro de mais de 19 pontos percentuais – ao invés de margem, deveria ser chamado de “profundidade de erro” em pesquisa de intenção de voto né mesmo?

O mesmo também aconteceu  na capital, Manaus. Em pesquisa divulgada no final de outubro, próximo das eleições municipais, a DMP dizia que Amazonino Mendes terminaria o primeiro turno com 32% e David Almeida apenas 16%. Considerando o segundo turno, se houvesse um embate entre Amazonino e David, Amazonino ganharia com 54% e David ficaria em segundo com 46%. Novamente o instituto errou com uma margem altíssima. Amazonino acaba o primeiro turno com 24,31% (8 pontos abaixo do previsto) e David com 22,74% (6 pontos acima do previsto). Já no segundo turno é David quem vence a eleição com 51,27% e Amazonino perde com 48,73%.

Então, nosso Radar pergunta: a nova pesquisa em Coari é Fanta, Sukita ou Bizz Colla? No Radar você decide!