PM mata homem com transtornos mentais em Eirunepé

 

Foto: Reprodução / Internet

José Francisco Mourão, de 35 anos, mais conhecido como “Sabão”, morreu  na última sexta-feira (6) após ter sido baleado por um policial militar em Eirunepé (a 1.160 quilômetros de Manaus). Segundo informações de amigos do homem, ele sofria com problemas mentais e o crime ocorreu depois de um desentendimento.

Conforme amigos da vítima, a discussão foi motivada após “Sabão” ter batido na moto do policial. O marítimo Manoel Pereira falou que a vítima estava a caminho do porto de Eirunepé, quando aconteceu o crime. “O ‘Sabão’ estava em uma bicicleta e no trajeto teria encostado na moto do policial. Que foi tirar satisfação e teria xingado e dado um tapa nele”, disse o amigo da vítima.

A suspeita do marítimo é que a vítima teria tido um surto em decorrência dos problemas mentais que sofria. “O ‘Sabão’ não tinha o comportamento violento, ele tinha dificuldades intelectuais, mas nunca causou problemas. Talvez pela agressão que sofreu tenha tido um surto”, contou Manoel Pereira.

José ficou muito irritado após agressão e pegou um pau que estava na rua e enfrentou dois policiais, mesmo com a a arma em punho em sua direção, José não se sentiu ameaçado, e continuou tentando dar pauladas nos policiais, até que um deles disparou a queima roupa contra ele.

Com informações da PM-AM.