Polícia procura jovem suspeito de matar adolescente estrangulada

Foto: Reprodução Internet

Michel Sabóia de Souza, de 19 anos, esta sendo procurado pela Polícia, suspeito de ter assassinado Heloísa Medeiros da Silva, de 17 anos neste fim de semana, em Manaus.  O jovem também é acusado de ter ocultado o cadáver da adolescente em uma casa, na rua Miranda Leão, Centro.

De acordo informações preliminares, o crime aconteceu por volta da 1h30 desse domingo (15), após Michel ter se desentendido com a adolescente. O tio do jovem foi quem acionou a Polícia, mas não soube informar o motivo do crime. Segundo ele, Michel acabou matando a moça por estrangulamento usando um lençol.

Ainda de acordo com ele, depois de ter matado a jovem, Michel enrolou o corpo em um lençol e o escondeu dentro da casa que pertence à avó dele, em seguida, fugiu, e ainda não foi localizado até o momento.

Um tio de Heloísa, identificado como Fábio Medeiros, relatou, que a garota teve as unhas arrancadas e os cabelos cortados. “Foi uma verdadeira crueldade”, disse revoltado.

Entenda o caso

Heloísa Medeiros estava desaparecida há 4 dias e foi encontrada morta no domingo, em uma residência no Centro da capital. A vítima estava seminua e com sinais de agressões. A jovem teria chegado acompanhada do suspeito, que pediu para seu próprio tio chamar a polícia dizendo que teria feito uma “besteira”.

Segundo o tio da vítima, Heloísa estava desaparecida desde a quinta-feira (12), quando saiu, por volta de 23h, para comemorar o aniversário de um amigo em um bar no bairro Nossa Senhora das Graças, zona centro-sul. Desde então não foi mais vista e passou a ser procurada pela família.

“Ela não vou voltou para casa, então começamos a ligar. O telefone chamava, mas ninguém atendia. A última visualização dela no WhatsApp foi no dia seguinte, sexta-feira (13), por volta de 5h. Começamos a compartilhar a foto dela nas redes sociais e pedir ajuda dos amigos, mas não localizamos a Heloísa”, disse Fábio Medeiros.

Com informações da assessoria da PC-AM.