Policial dispara 10 tiros contra apartamento de homem que denunciou festa irregular

Após ter sido alvo de denúncias por estar realizando uma festa particular fora do horário permitido, um policial atirou contra o apartamento de uma família na madrugada deste domingo. O atentado ocorreu no condomínio ‘Smart Flores’.

De acordo com informações de Eduardo Martins de 35 anos, que denunciou a atividade irregular a síndica do residencial, o policial atirou 10 vezes contra seu apartamento. Um dos disparos atingiu o quarto do filho de dois anos do homem.

Marcas de tiro no quarto da criança de dois anos Foto: Reprodução

A ação do policial, identificado como André Felipe, foi realizada após os pedidos de intervenção em uma festa que estava sendo realizada no local fora do horário estabelecido. Na ocasião, ele também fez  ameaças à família do denunciante.

Diante dessa situação, Eduardo fez um Boletim de Ocorrência (B.O) registrando ‘ameaça consumada’ no 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP).
A polícia instaurou um inquérito policial para apurar os fatos.