Por atraso de salário funcionários do Fcecon cruzam os braços e se negam a fazer exame em paciente

Cecon capa

Uma paciente que não quis ter o nome revelado e faz tratamento contra o câncer, na Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas informou que funcionário do setor de Raio-x cruzaram os braços na manhã desta segunda-feira (18). Segundo ela, a explicação dada pelos próprios funcionários para se negarem a fazer o exame foi atraso nos salários.

A paciente informou que veio do interior do Estado em busca do tratamento em Manaus. Uma médica do Fcecon determinou uma bateria de exames que incluía o raio-x, mas a paciente diz ter sido barrada na porta de raio-x.

“Para mim já é bastante difícil. Eu não tenho residência fixa aqui, não tenho condução própria e tenho que vir de madrugada de ônibus  para pegar uma ficha e chegando aqui não sou atendida por irresponsabilidades de uma má administração “, lamentou.

Em nota a direção da Fcecon dá outra explicação para a não realização de exames de imagem na manhã desta segunda-feira. Eles classificam o caso como um problema pontual, decorrente da readequação de escala de pessoal no setor e ausência de dois funcionários por questões de saúde. A direção garante que todos os pacientes que deixaram de realizar exames nesta manhã, serão reagendados para esta semana.