Prefeito de Maraã vai gastar R$ 155 mil com show de Joelma

Pelo jeito os prefeitos do interior do Amazonas adoram um Calipso, isso porque a cantora Joelma foi contratada para se apresentar novamente por aqui. Dessa vez, o prefeito de Maraã (a 634 quilômetros de Manaus) Luiz Magno Praiano Moraes (MDB) contratou o show da ‘pop star’ por R$ 155 mil durante a festa de comemoração do 50º aniversário do município, que será realizada nos dias 24 e 25 de março deste ano.

A apresentação da ex-Calypso foi garantida por meio de uma dispensa de licitação com a empresa J Shows Produções Artísticas Eirelli– ME de CNPJ nº 23.500.757/0001-40, com sede em Goiânia (GO) e proprietária identificada como Natalia Mendes Sarraf, segundo consulta no site da Receita Federal.

Os extratos da dispensa de licitação e do contrato foram publicados no Diário Oficial da Associação dos Municípios, na edição dessa quinta-feira (21), assinados pelo prefeito Magno Moraes. (Veja documentos no final da matéria)

Segundo a publicação, o contrato firmado entre prefeitura e a empresa tem vigência de 20 de fevereiro a 31 de março deste ano. O show da cantora Joelma está marcado para o dia 24 do próximo mês.

Há um ano o prefeito Magno Moraes foi alvo dos moradores por causa do caos administrativo que teria se instalado no município. Na ocasião, a população denunciou que a cidade estava repleta de buracos nas ruas, os salários do funcionalismo público atrasados e sérios problemas na saúde e na educação.

Procurada pelo Radar, a Prefeitura de Maraã não se manifestou até o fechamento desta matéria.

Show barrado

Em junho de 2018, o show da cantora Joelma no município de Nova Olinda do Norte (a 134 quilômetros de Manaus) foi barrado pelo Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) por diversas irregularidades apontadas pelo Ministério Público de Contas do Amazonas (MPC-AM). O contrato também foi firmado sem licitação com a empresa Flavio Show Produções por R$ 140 mil.

Para driblar a decisão do TCE-AM, o prefeito Adenilson Reis firmou um novo contrato para garantir o show da ex-vocalista da banda Calypso no município. O detalhe é que a “pop star Joelma” foi contratada por R$ 126 mil pela mesma empresa J. Shows Produções Artísticas Eirelli, que agora foi contrata pela Prefeitura de Maraã.

Após denúncia do Radar, a Corte de Contas suspendeu o novo contrato para show da cantora Joelma em Nova Olinda por não preencher os requisitos legais previstos na Lei das Licitações.

Veja extratos na íntegra