Prefeito de Rio Preto da Eva suspende festejos após repercussão negativa

 

Depois de confirmar a realização do evento Marcha para Jesus, no dia 30, e a festa oficial de virada do ano, no dia 31, o prefeito de Rio Preto da Eva, Anderson Sousa, voltou atrás, acatou o pedido do Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE-AM) e decidiu suspender os dois grandes eventos de final de ano na cidade. Mesmo após o decreto estadual, que suspendeu a realização de eventos até o dia 10 de janeiro, o prefeito havia mantido a realização dos eventos.

Em pronunciamento em sua rede social, o prefeito informou que o município tinha condições de realizar o evento em segurança, mas conforme o aumento do número de casos de pessoas com novo coronavírus em Manaus, a decisão foi de suspender as festas.

“Não queremos contribuir para a proliferação do vírus, como fecharam tudo em Manaus, ficamos com receio dos moradores virem para o Rio Preto e aqui haver uma contaminação em massa. Não queremos isso, então, vamos suspender o evento Marcha para Jesus, que será realizada em outro momento, e a festa de Réveillon”, disse o prefeito Anderson Sousa.

O prefeito ressaltou, ainda, que vai realizar um toque de recolher de 0h às 6h para evitar aglomeração em pontos públicos da cidade.