Mesmo com cidade em alerta de cheia, prefeito de Barreirinha contrata show de Solange Almeida e Léo Magalhães por R$ 380 mil

Somados os dois contratos teremos o valor de R$ 380 mil que serão tirados dos cofres públicos para os festejos do 141° aniversário de Emancipação Politica do Município de Barreirinha.

prefeito Glenio Seixas (MDB)

Mesmo após a cidade de Barreirinha (a 551 quilômetros de Manaus) entrar em alerta de cheia, por conta da subida dos rios que ameaça milhares de famílias no Amazonas, o prefeito Glênio Seixas (MDB) pretende gastar cerca de R$ 380 mil com os shows de Solange Almeida e Léo Magalhães como atração nacional do 141° aniversário de Barreirinha, que acontecerá no dia 9 de junho.

De acordo com publicação no Diário Oficial dos Municípios (DOM), da última sexta-feira (29), somente para a empresa Mais Music S Music – Gravação, Edição e Produção Musical Eireli, responsável pelo show de Léo Magalhães, a Prefeitura de Barreirinha vai desembolsar R$ 190 mil dos cofres públicos.

A empresa tem como nome fantasia “+ Music” e está cadastrada no CNPJ 23.524.867/0001-41. Uma informação chamou atenção, a empresa fica localizada no município de Ilhéus, na Bahia. Com capital social de R$ 80 mil, a + Music tem como atividade principal a produção musical e, como sócio, Arlei Rocha do Bonfim.

Já a segunda empresa contratada foi a Sol Produção e Administração Artística LTDA, responsável pelo show da cantora Solange Almeida, ex- Aviões do Forró, que também ganhará com o contrato o valor de R$ 190 mil.

A empresa tem como nome fantasia “Solange Almeida” e está cadastrada no CNPJ 27.260.408/0001-59, localizada no município de Eusébio, no Ceará. A atividade principal da empresa também é produção musical. O capital social é de R$ 50 mil e ela tem como sócio- administrador Solange de Almeida Pereira Moura.

Valor poderia ser investido em ações na Cheia 2022

O valor é quase 50% do enviado ano passado pelo governo federal ao município de Barreirinha para ações de prevenção durante a cheia de 2021. Na ocasião, Barreirinha recebeu R$ 757,3 mil com repasse feito pela Defesa Civil Nacional em conjunção com o Ministério do Desenvolvimento Regional. Mediante isto, com R$ 380 mil gastos com show, o prefeito Glênio Seixas poderia investir na compra de kits de alimentação, limpeza, higiene pessoal e dormitório, além de locação de barcos e lanchas.

Contratos anteriores

Em 18 de maio de 2020, o Radar Amazônico noticiou que o prefeito de Barreirinha, Glenio Seixas (MDB), gastou quase meio milhão na compra de equipamentos hospitalares de uma empresa de material de construção localizada em Manaus. Vale destacar que as duas contratações foram feitas por dispensa de licitação, ou seja, não houve qualquer tipo de concorrência.

Sem respostas

O Radar Amazônico entrou em contato com a Prefeitura de Barreirinha para saber a finalidade das contrações mesmo com o município sendo castigado com a subida dos rios e a população sentido os impactos da enchente em 2022. No entanto, não obteve resposta até a publicação desta matéria.

Confira os documentos: