Prefeito Nicson Marreira pretende gastar R$ 15 milhões com construção de calçadas e sarjetas em Tefé

O contrato foi publicado no Diário Oficial dos Municípios (DOM) nessa quarta-feira (27)

Foto: Divulgação

O prefeito Nicson Marreira (PTB) pretende gastar mais de R$ 15 milhões com contratação de empresa especializada em recuperação de pavimentação, construção de calçadas, meio-fio e sarjeta no município de Tefé (a 522 quilômetros de Manaus). O contrato foi publicado no Diário Oficial dos Municípios (DOM) nesta quarta-feira (27) e possui assinatura eletrônica do prefeito. (Confira documento na final da matéria).

De acordo com o documento, a empresa beneficiada com o contrato foi a N E M COMÉRCIO DE MATERIAIS E SERVIÇOS  DE MÃO DE OBRA LTDA., –  que corresponde ao CNPJ: 19.010.995/000.1–08, e possui capital social de R$ 2,5 milhões. A empresa tem como sócio-administrador Nara Souza de Souza e fica localizada na rua 2 de agosto, número 24, Parque 10 de Novembro, zona Centro-Sul de Manaus.

Ao todo, a empresa ganhará o montante de  R$15.286.607,86 (quinze milhões duzentos e oitenta e seis mil seiscentos e sete reais e oitenta e
seis centavos) e o contrato tem a vigência de 14 meses, que corresponde a um ano e dois meses.

Contratos anteriores

Esta não é a primeira vez que Nicson Marreira faz contratos com valores considerados abusivos. No dia 1º de fevereiro deste ano,  a construção de um novo muro de contenção de erosão fluvial custou cerca de  R$ 22,4  milhões aos cofres públicos do município de Tefé. 

A obra, que consiste em conter o desgaste do solo e as rochas, causado pela força dos rios, consta em um despacho de homologação e adjudicação. Entretanto, o documento não especifica informações de qual local o muro será construído, seu respectivo tamanho e capacidade de contenção.

Respostas

O Radar Amazônico entrou em contato com a Prefeitura de Tefé e questionou sobre a empresa que ganhou a licitação ter o capital social abaixo do estipulado para o contrato, mas até a publicação desta matéria, não obteve retorno.