Anúncio

Prefeitura inicia convocação de 400 professores concursados em maio

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, homologou nessa quarta-feira (18), o resultado do concurso para 400 vagas e formação de cadastro de reserva para cargos de professor da Secretaria Municipal de Educação (Semed). Até o dia 15 de maio, 78 professores já serão chamados a ocupar seus cargos. As demais convocações serão feitas até 30 de junho. Na mesma cerimônia, o prefeito também ratificou a Lei 2.307, que cria a praça Sumaúma, na zona Norte, de propositura do vereador Edson Bentes.

Para o Arthur Neto o concurso supre uma demanda e segue toda a organização com que a prefeitura trabalha a Educação, motivo que justifica os excelentes resultados alcançados nos últimos anos. “Esse concurso é mais uma demonstração de maturidade administrativa que se dá. Pois oferecemos, inicialmente, 400 vagas, que é o que cabe em nosso orçamento. Teremos um cadastro de reserva para chamar mais professores, na medida em que expandimos nossa rede de ensino com a construção de novas escolas”, disse o prefeito.

A secretária da Semed, Kátia Helena Schweickardt, enfatizou que há necessidade imediata da convocação dos aprovados, principalmente para suprir uma demanda de professores de Matemática e Ciências.

“Vamos chamar 78 professores até o dia 15 de maio para suprir nossa necessidade maior. Os outros devem ser convocados até o final do mês de junho para que possam fazer seus exames admissionais. Queremos o quadro completo no segundo semestre deste ano”, afirmou a secretária.

Com a divulgação do resultado nessa sexta-feira (13), e a homologação do resultado do certame, a Semed vai chamar, em maio, 45 professores de Matemática e 33 de Ciências. A expectativa é que os 400 aprovados sejam chamados até o dia 30 de junho deste ano.

A partir da data de convocação, os aprovados têm prazo de 30 dias para tomar posse, período que pode ser prorrogado por mais 30 dias. Os convocados deverão, ainda, passar pela Junta Médico-Pericial do Município, com atendimento agendado.

Aprovados

Com um total de 5.414 classificados, o concurso realizado pelo Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Executivo (Ibade)www.ibade.org.br/, teve 22.718 inscritos, com abstenção de apenas 6,8% na fase de provas objetivas, aplicadas no último dia 21 de janeiro. Desse total, 5.027 candidatos alcançaram média igual ou superior a 6,0 e foram convocados para a avaliação de títulos.

Durante a fase de avaliação de títulos, a Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) acionou a Secretaria Municipal de Administração (Semad) e o Ibade para solicitar informações quanto à uma questão das provas aplicadas aos cargos de professor de 1º ao 5º ano, artes, ciências, educação física, geografia e língua portuguesa. Para evitar que o processo fosse a juízo, optou-se pela anulação da questão, para não atrasar o resultado do concurso. A decisão permitiu que mais 387 candidatos, que alcançaram, com a alteração do gabarito, a média exigida, fossem convocados para uma nova prova de títulos e período para recursos, conforme previsto para todos os concorrentes.

Nova praça

Ainda durante o evento, o prefeito também ratificou a Lei 2.307, de propositura do vereador Edson Bentes, que cria a Praça Sumaúma, entre a avenida Bispo Pedro Massa e a rua Ticuna, na Cidade Nova. Segundo o parlamentar, era um sonho antigo da comunidade transformar o logradouro em uma praça, para que pudesse garantir mais uma área de lazer na localidade.

“Esse é um pleito antigo da comunidade e, agora, é real. Só tenho a agradecer aos meus colegas vereadores que votaram o projeto e ao prefeito Arthur Neto que sancionou essa lei. Saio daqui com a boa notícia que o espaço vai receber uma ação de limpeza para estar pronto para, no dia 23, festejamos o aniversário da Cidade Nova”, disse o vereador.

Fotos: Mário Oliveira / Semcom