Prefeitura interditou rua Rio Javari para implantar nova drenagem; obra vai durar 30 dias

As obras para correção de drenagem na zona Centro-Sul já estão a pleno vapor, desde a tarde dessa sexta-feira (23), a Prefeitura de Manaus executa mais uma etapa dos serviços de recuperação da rede de drenagem profunda da avenida Djalma Batista, desta vez no trecho que compreende a rua Rio Javari, no bairro Nossa Senhora das Graças.

Mesmo sob uma chuva torrencial, o prefeito Arthur Virgílio Neto e o vice-prefeito e secretário municipal de Infraestrutura Marcos Rotta acompanharam os trabalhos, que vão ser realizados por etapas e ininterruptamente para que seja realizado dentro de aproximadamente 30 dias.

“Seria muito fácil empurrar esse problema com a barriga, fazer uns gatilhos e deixar a bomba estourar mais lá na frente. Mas não é esse o meu comportamento, nem do vice-prefeito, nem dos técnicos que nos acompanham”, afirmou o prefeito, ressaltando que essa é a quarta intervenção na área.

O trabalho faz parte do cronograma de ações para troca de tubulação de rede de drenagens antigas, que está sendo realizado desde o ano passado pela Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), serviço que vem sendo intensificado dia a dia pela Administração municipal. Somente em 2017, 21 mil metros de tubulação de drenagem foram trocados em diversas zonas da cidade.

“E, este ano, queremos avançar muito mais, porque é a drenagem que garante a qualidade do nosso asfaltamento, que ajuda no escoamento das águas das chuvas e colabora para um trânsito mais seguro. É só lembrar que em 2016 tivemos mais de 300 pontos de inundação na cidade e que em 2017 foram apenas 12″, observou.

Marcos Rotta destacou que o trabalho de substituição das redes de drenagem da Djalma Batista está sendo feito de maneira criteriosa, por se tratar de uma tubulação bastante antiga e em uma avenida de grande fluxo, com muitos prédios comerciais. “Temos uma área comercial que está em cima de uma rede de drenagem com mais de 40 anos. Ali existe um igarapé que foi canalizado nos últimos anos e a saída que encontramos foi promover esse desvio de rede, que deve culminar com ações até a avenida Djalma Batista. Vamos dar a qualidade empreendida nas obras da prefeitura e a celeridade determinada pelo prefeito Arthur Neto, pois essa é uma área movimentada da cidade”, ressaltou.

Todo o trabalho será realizado por administração direta, de forma ininterrupta e sincronizada com o Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans) e a Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU).

Desvio no trânsito

Com os trabalhos, um trecho da rua Rio Javari, entre as ruas Pará e João Valério, está interditado. O condutor que segue pela rua João Valério e quer acessar a rua Pará, deve entrar na rua Rio Purus ou seguir até a avenida São Jorge, para depois acessar a rua Artur Bernardes e seguir para a rua Pará.

Equipes de agentes do Manaustrans vão monitorar o local e orientar os condutores quanto as opções de desvios.

Ação contínua

A primeira etapa de obras para a recuperação das antigas redes de drenagem na zona Centro-Sul, no trecho que compreende a avenida Djalma Batista e a rua Pará, foi concluída no sábado (17), pela Prefeitura de Manaus.

Fotos: Mário Oliveira / Semcom