Anúncio

Prefeitura lança projeto-piloto de preparação para aposentadoria de servidores

Fotos: José Nildo/Semsa

Para fechar o mês de julho dentro do cronograma de boa gestão, a Prefeitura de Manaus lançou o projeto-piloto de implantação do Programa de Preparação para Aposentadoria (PPA) para servidores públicos municipais. O lançamento aconteceu nessa terça-feira (31), no auditório ‘Deodato de Miranda Leão’, na sede da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

“A previdência é tratada como muita seriedade na nossa gestão, o cuidado com o futuro daqueles que deram sua contribuição para Manaus é algo sagrado e, por isso, temos hoje uma das previdências mais equilibradas do país. E esse projeto de preparação para a aposentadoria é mais um passo na direção da qualidade de vida e valorização dos nossos servidores”, destacou o prefeito Arthur Virgílio Neto.

Dentro do planejamento da Manaus Previdência, as fases de organização do processo vão obedecer a temas que incluem reflexões sobre a importância da preparação da aposentadoria, legislação previdenciária municipal, planejamento financeiro e familiar (o empreendedorismo como fonte de renda), reflexões sobre o envelhecimento, passeio cultural e a família como rede de suporte na aposentadoria.

Conforme o Departamento de Gestão do Trabalho da Semsa (Dtrab-Semsa), em 2018, já foram concedidas 123 aposentadorias, havendo outros 147 processos em andamento, que devem ser completados ainda este ano. Para o subsecretário de Gestão Administrativa e Planejamento, Jean Abreu, a aposentadoria é um período delicado na vida do servidor e, por isso, deve ter um suporte multidisciplinar adequado para cada caso.

“O projeto-piloto do PPA ocorre dentro de nossa secretaria por sermos uma das maiores do funcionalismo municipal, com mais de 11 mil servidores. Como parte das ações, haverá orientações nos aspectos psicossocial, financeiro e de legislação previdenciária, agregando informações para que os pré-aposentandos possam desenvolver novas ações após o término da jornada laboral”, afirmou Jean.

Em 2019, outras secretarias vão passar pelo mesmo planejamento que privilegia quem já está no caminho merecido da aposentadoria.