Previdência: sindicatos querem reduzir idade mínima e ampliar transição

Uma estratégia para alterar o texto da reforma da Previdência na Câmara dos Deputados está sendo montada por sindicalistas que defendem a diminuição da idade mínima para aposentadoria e um prazo maior para o tempo de transição.

De acordo com a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, membros de sindicatos planejam fazer, na próxima semana, uma incursão nos gabinetes dos deputados para convencê-los a incluir emendas na proposta do Planalto.

Segundo destaca a publicação, uma das principais preocupações do governo em relação à reforma é a força do lobby de entidades que representam servidores públicos. Membros do Planalto recordam que elas tiveram papel importante na formação da oposição ao projeto de Michel Temer.

No entanto, políticos e técnicos do governo com trânsito no funcionalismo preevem fazer uma imersão nessas entidades para convencê-las a apoiar a reforma de Bolsonaro.