Primeira política de saúde integral LGBTI+ é celebrada em evento “Sus é para Todes”

Atendimento médico integral LGBT

FOTOS: Islânia Lima

A portaria que institui a Política Estadual de Saúde Integral LGBTI+ será assinada nesta quarta-feira (02) em um ato simbólico na Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM). O Amazonas é o primeiro estado da região Norte e o quinto no Brasil a ter uma política de saúde voltada à população LGBTI+.

A política foi construída pelo Comitê Técnico Institucional em Saúde Integral LGBTI+, em uma cooperação de membros da SES-AM, Secretaria Municipal de Saúde (Semsa-Manaus), Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e diversos grupos da sociedade civil.

A nova política de saúde pública se compromete a melhorar a oferta de cuidados em saúde para a população LGBTI+.

Evento on-line

Para dar ainda mais visibilidade para a Política Estadual de Saúde Integral LGBTI+ do Amazonas, instituída por meio da Portaria nº 239, de 11 de maio de 2021, será realizado o evento on-line “SUS é para Todes”, em alusão ao Mês do Orgulho LGBTI+, também nesta quarta-feira, a partir das 17h.

Durante uma hora e meia, cinco artistas LGBTI+ do Amazonas irão apresentar seus trabalhos no meio musical. São eles: Bel Martine, KSMusic, Lviza e os DJs Felipe e Naty Veiga. Entre cada apresentação, seis profissionais de saúde prestarão informações sobre a política e serviços de saúde direcionados ao público LGBTI+.

O evento é uma parceria entre Instituições do Comitê Técnico Interinstitucional de Saúde Integral LGBTI+, Semsa Manaus, UEA, Ufam, Fiocruz, Coletivo Miga sua Loca!, União Nacional LGBT/AM, Difusão Amazonas, Associação Manifesta LGBT+, Associação de Travestis, Transexuais e Transgêneros do Amazonas (Assotram), Coletivo O Gênero, Toy Badé, Fórum LGBT, com apoio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, e Secretaria de Comunicação Social (Secom).

A live “SUS é para Todes” será transmitida por meio dos canais oficiais do Governo do Estado no Facebook e YouTube.

(*) Informações da assessoria