Anúncio

Professora denuncia pagamento para gestores irem a ato pró-Amazonino (ouça áudio)

Uma professora da rede estadual de Ensino, que preferiu não se identificar com medo de retaliações, enviou um áudio ao Radar no qual denuncia o pagamento de R$ 700 para cada gestor de escola da rede estadual. (Ouça o áudio)

 O valor deveria ser destinado ao pagamento de outras sete pessoas que receberiam R$ 100, cada uma, para participação no ato de campanha realizado pelo governador e candidato à reeleição, Amazonino Mendes (PDT), nesta quarta-feira (26), na casa de show Copacabana, na zona Oeste de Manaus.

 O comício foi registrado pelo Radar, nesta quarta-feira. Profissionais da educação que participavam do 11º Encontro Técnico de Gestores Escolares, realizado no Centro de Convenções Vasco Vasques disseram que estavam sendo obrigados a ir para a casa de show Copacabana para participar do ato de campanha em prol da reeleição do governador.

 A voz no áudio foi um pouco modificada pelo Radar para não permitir a identificação da professora que fez a denúncia.

Ouça o áudio na íntegra.