Profissionais da saúde serão homenageados em ações da Cultura

Fotos: Michael Dantas

Tem início nesta quarta-feira (05), no Dia Nacional da Saúde, a ação “A Arte agradece a Vida” é realizada no Teatro Amazonas como uma forma de agradecimento aos profissionais da saúde como médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, maqueiros, técnicos, bombeiros, agentes de portaria e serviços gerais, que atuam na linha de frente de combate à Covid-19. As ações seguem até o dia 31 deste mês.

Entre as atividades estarão o acesso a concertos, entrega simbólica de uma placa que ficará no hall do espaço cultural, que também ganhará iluminação na cor verde. Os profissionais da saúde, com direito a acompanhante, também terão gratuidade nas visitas turísticas do Teatro Amazonas.

Segundo o secretário Marcos Apolo Muniz, a pasta retomará as apresentações dos Corpos Artísticos no palco do maior patrimônio histórico do estado, com uma série de oito lives a serem transmitidas no Instagram do Governo do Amazonas, no Facebook da Secretaria de Cultura e Economia Criativa e pela TV Encontro das Águas. Ele explica que cada concerto terá, na plateia, um número reduzido de representantes dos profissionais da saúde, atendendo todos os protocolos de segurança recomendados pelos órgãos sanitários para evitar qualquer tipo de aglomeração.

Muniz esclarece que, durante a programação, serão avaliados os possíveis ajustes em procedimentos necessários para receber o público nesta nova fase.

“Desde o início da flexibilização, estamos voltando com as nossas atividades de forma gradual, como foi nas visitas turísticas, pois apesar de todo protocolo definido, é necessário entender o comportamento do público na prática”, comenta o secretário. “No palco, o número de músicos também será reduzido, com distanciamento entre os integrantes”.

Concertos 

A abertura do projeto “A Arte Agradece a Vida” contará com a apresentação da Amazonas Filarmônica, a partir das 20h, que vai interpretar trechos do “Septeto em mi bemol maior”, de Beethoven; e uma versão da música “Porto de Lenha”, de Torrinho e Aldisio Filgueiras; com arranjo do maestro Otávio Simões.

No sábado (08), será a vez da Orquestra de Violões do Amazonas apresentar “Ovam 20 anos”, com retrospectiva da trajetória do grupo no repertório; enquanto na quinta-feira (13), a Amazonas Filarmônica trará o espetáculo “Mendelssohn & Gounod”, da Série de Câmara 2020.

A Orquestra de Câmara do Amazonas exibirá, no sábado (15), “Concertos Grossos de Georg Friedrich Händel”; e na próxima quinta-feira (20), a Amazonas Filarmônica trará “Septeto em mi bemol maior”, de Beethoven.

Já o Corpo de Dança do Amazonas subirá ao palco no dia 22, com “Vazantes”, uma metáfora com o movimento da cidade e seus contrastes, com direção de Mário Nascimento.

Na quinta-feira (27), a Amazonas Filarmônica apresenta obras para Quinteto de Sopros e, para finalizar, na segunda-feira (31) , a Amazonas Band encerrará a primeira temporada de lives com o Concerto comemorativo de 20 anos do grupo.

(*) Informações da Assessoria