“Programa Calçada Livre” é proposta de José Ricardo para pessoas com deficiência

jose-ricardo-panfletagem-cachoeirinha-2

jose-ricardo-panfletagem-cachoeirinhaNa manhã desta quinta-feira (8), o candidato a prefeito de Manaus, José Ricardo (PT), e seu vice, Yann Evanovick (PCdoB), participaram de “bandeiraço” e panfletagem na Avenida Castelo Branco, bairro Cachoeirinha, Zona Sul, juntamente com a militância da Coligação “Compromisso com o Povo”. No ato, os candidatos falaram de suas propostas para pessoas com deficiência, desobstruindo e recuperando calçadas com a criação do “Programa Calçada Livre”.

Dentre as propostas defendidas por José Ricardo está a implantação do “Programa Calçada Livre”, que prevê desconto no IPTU para cidadãos que desobstruírem suas calçadas, garantindo, assim, livre acesso para as pessoas com deficiência, estendendo os serviços de acessibilidade no transporte, na informação e comunicação, inclusive nos sistemas e tecnologias da informação e comunicação, bem como em outras instalações abertos ao público ou de uso público. “É importante possibilitar à pessoa com deficiência viver de forma independente e participar plenamente de todos os aspectos da vida, por isso nos vamos programar medidas apropriadas para assegurar a igualdade de oportunidades com as demais pessoas”, expôs.

Outra proposta dos candidatos é a implementação de políticas públicas para geração de trabalho, emprego e renda para as pessoas com deficiência, incluindo a capacitação profissional e a garantia de condições de trabalho; assegurar a acessibilidade comunicacional mediante a presença de profissionais intérpretes de LIBRAS; ampliar e qualificar a rede municipal de atendimento à saúde mental com a implementação de mais CAPS 3 (Centro de Atenção Psicossocial), CAPS-AD (Centro de Atenção Psicossocial – Álcool e Drogas) e CAPS Infantil; além de agilizar a implantação dos NASFs (Núcleo de Apoio à Saúde da Família).

Na Assembleia Legislativa, José Ricardo votou contra a proposta da segunda Reforma Administrativa do governo estadual de fundir a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Seped) com a Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas). “Foi um retrocesso fundir a Seped, que tinha apenas 0,08% do Orçamento do Estado, que é um impacto muito pequeno diante de todo o montante. Quem perde com essa arbitrariedade são as entidades que lutaram para ter essa estrutura, que era uma conquista do Estado e não de um governo”, afirmou.

Como agenda de rua desta sexta-feira (9), os candidatos participam às 8h de panfletagem e “bandeiraço” na Feira da Betânia, Zona Sul; às 17h, estarão em caminhada com panfletagem na Avenida Margarita, no Conjunto Nova Cidade; e às 18h30, participam de reunião com professores no Centro Comunitário Nossa Senhora do Rosário, Cidade Nova, juntamente com a candidata a vereadora Sheila Maria. Já às 19h30, estarão em reunião com comunitários na rua 152, Quadra 311, Núcleo 9, Francisca Mendes, Zona Norte, juntamente com o candidato a vereador Guedes.

Agenda: 09/09/2016

8h – Panfletagem e “bandeiraço” (Feira da Betânia);

17h – Caminhada com panfletagem (Avenida Torquato Tapajós).

Texto e fotos: Assessoria do candidato