Programação especial marca aniversário de 81 anos do Parque 10 nesse sábado  (10)

Uma programação especial com música, cultura, lazer e diversão será realizada, a partir das 19h, na Praça Walzeklin Ferreira de Souza, na avenida Ivanete Machado, entre as ruas 18, 19 e 20 para comemorar os 81 anos de fundação do bairro Parque Dez de Novembro, na zona Centro-Sul. O evento conta com o apoio da Prefeitura de Manaus, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult).

A festa contará com shows de grandes nomes da música manauara, como Guto Lima, David Assayag, Canto da Mata e Eder Rocha. Além do elenco musical, os restaurantes e lanches no entorno da praça estarão funcionando durante o evento.

Para um dos organizadores do evento, Márcio Almino, a comemoração da data especial relembra a história do bairro, que, em sua origem, teve como área de lazer o “balneário do Parque Dez”, local onde famílias amazonenses refrescavam-se dos dias quentes nas águas límpidas do Igarapé do Mindu, além da vasta área verde que predominava toda a sua extensão.

“Esse bairro também é conhecido pelos vários conjuntos habitacionais que foram criados ao redor dele, favorecendo até hoje o desenvolvimento e a economia do local” pontuou Márcio Almino.

História

O bairro Parque Dez de Novembro foi criado em 1937, recebendo o mesmo nome da data de sua origem. Em 1964, a habitação foi impulsionada na área com a criação do conjunto residencial Castelo Branco. Hoje, o bairro com aspecto residencial, concentra grande atividade comercial como lojas, agências bancárias, casas lotéricas, restaurantes, feiras, além de espaços de preservação ambiental, lazer, cultura, religião, entretenimento, e ainda, postos de saúde e policial.

O local também abriga o Parque Municipal do Mindu, criado em 1993, com o intuito de preservar a extensa área verde, habitat do sauim-de-coleira, mascote da cidade manauara. Atualmente, o parque que possui um pouco mais de 40 hectares e integra o Corredor Ecológico Urbano do Igarapé do Mindu, promove atividades ambientais e culturais para alertar a população sobre questões sócio-ambientais.