Projeto de Josué Neto que determina viaturas blindadas recebe parecer favorável da CCJR

O Projeto de Lei nº 132/2018 que prevê a aquisição de viaturas blindadas para os órgãos da Segurança Pública no Amazonas recebeu, nesta semana, parecer favorável da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) da Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM).

A proposta, de autoria do deputado estadual Josué Neto (PSD), tem o objetivo de promover melhores condições de trabalho para os órgãos de segurança pública do Estado.

“Estamos em um momento difícil para a Segurança do nosso Estado com o crescimento da criminalidade, então é essencial que os profissionais de Segurança Pública tenham condições de trabalhar com ferramentas que promovam certo grau de segurança”, disse Josué Neto.

O episódio no último dia 14, quando cinco homens invadiram uma casa lotérica na avenida Grande Circular, zona Leste, e fizeram os clientes reféns reforçou a necessidade em dar mais segurança às polícias. Na ocasião, policiais militares trocaram tiros com os infratores, que acabaram mortos, mas nenhum refém ou policial ficou ferido.

Em uma foto publicada pelo Radar é possível ver uma viatura crivada de balas após o confronto entre policiais militares e infratores.

“Isso é um exemplo de que os policiais precisam ter viaturas blindadas, precisam ter condições de trabalhar com mais segurança para combater à criminalidade. Hoje poderíamos estar lamentando a morte de um policial. Graças a Deus não ocorreu nada grave com nenhuma das pessoas de bem que estavam ali”, afirmou o deputado.

Projeto

De acordo com o texto do projeto, o Governo do Estado deverá exigir nos processos de licitação de compra ou aluguel de viaturas que os veículos tenham pára-brisas, vidros laterais e traseiros blindados, no mínimo nível III, como item obrigatório.

“Nas viaturas já existentes, a instalação dos referidos pára-brisas, vidros traseiros e laterais blindados deverá ser realizada de forma gradativa no prazo de 24 meses”, diz o texto da proposta.

O PL aguarda votação na CCJR, prevista para acontecer nesta sexta-feira (19).

Com informações da assessoria do deputado.