“Quem acredita em Deus aqui, bate palmas”, disse Wilson Lima em sua convenção diante dos poucos aplausos da multidão (ver vídeos)

O prefeito de Manaus e o governador do Amazonas usaram o nome de Deus em vários momentos, na tentativa de comover uma plateia sem entusiasmo

Diante de uma multidão, mas com pouco ou nenhum entusiasmo – sem contar que dos 48 prefeitos anunciados por Wilson Lima como seus “fiéis apoiadores”, apenas 14 estavam em seu palanque – , o candidato à reeleição, o governador do Amazonas, Wilson Lima (União Brasil) e o prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), apelaram até mesmo para o uso do nome de Deus na tentativa de comover as pessoas e arrancar aplausos de uma plateia “morna”. Isso aconteceu na convenção dos dois partidos, União Brasil e Avante, onde foi confirmada a chapa majoritária para concorrer ao governo do Amazonas, formada por Wilson Lima e o indicado do prefeito David Almeida a vice, o ex-secretário da Casa Civil, Tadeu de Souza Silva.

O prefeito de Manaus, David Almeida chegou a dizer que Wilson “é um instrumento de Deus”. “Wilson, você tem sido um instrumento de Deus para melhorar a vida das pessoas. É por isso que estou com você ! A estrela é você e eu sou o seu cabo eleitoral!”, bradou David Almeida aos presentes.

Ao longo dos quase 20 minutos de discurso aos presentes, Wilson Lima, usou o nome de Deus em quase todo o tempo, tentando comover pela religiosidade e não pelos predicados de bom administrador. Exemplo disso é que ele disse ser cristão e que pede apoio de Deus para as decisões de governo.

“Todos os dias peço a Deus sabedoria para que Ele continue me guiando, me orientando para que eu tome decisões acertadas. Nasci em um lar cristão e nos momentos mais difíceis da pandemia estávamos de joelho, agradecendo e pedindo que Deus nos ajudasse”, afirmou o governador ao público.
Como viu que não estava surtindo muito efeito, diante de uma plateia apática, Wilson Lima apelou: a pedir que quem acreditasse em Deus batesse palma.

“Esse é um governo em que sobretudo acredita em Deus. Quem acredita em Deus aqui bata palma”, pediu Wilson Lima.