Recursos de R$ 19,9 milhões em emendas viabilizados por Eduardo Braga vão turbinar a saúde básica no Amazonas

O dinheiro foi pago na última semana pelo Ministério da Saúde e vai ajudar municípios na melhoria da atenção básica

Foto: Divulgação

Mais de R$ 19,9 milhões em recursos de emendas de bancada apresentadas pelo senador Eduardo Braga (MDB/AM) vão turbinar a saúde básica no Amazonas. O recurso foi pago pelo Ministério da Saúde aos municípios de Anori, Carauari, Careiro da Várzea, Eirunepé, Fonte Boa, Itacoatiara, Lábrea, Manaquiri e Tefé, para incrementar o Piso de Atenção Primária (PAP).

O PAP é um mecanismo financeiro do governo federal que destina recursos do Fundo Nacional da Saúde (FNS) diretamente aos municípios brasileiros para custear serviços de atenção primária à rede de saúde dos municípios.

“São recursos importantes para o interior, principalmente nesse período de cheia”, destacou o parlamentar.

O município de Lábrea, no sul do Amazonas, foi contemplado com R$ 5 milhões do PAP. A cidade enfrentou um período de cheia severo e decretou estado de emergência para atender cerca de um terço dos moradores que atingido pelo nível do rio Purus. Carauari, Careiro da Várzea, Eirunepé, Fonte Boa, Itacoatiara e Tefé receberam R$ 2 milhões, cada.

Anori vai aplicar R$ 1 milhão no incremento da saúde básica, enquanto Manaquiri terá R$ 1.924.293,00 para o PAP.

“As emendas do senador Eduardo ajudam bastante no atendimento à atenção primária. Se não fosse essa ajuda estaríamos com dificuldade para manter esses serviços”, disse o presidente da Associação Amazonense dos Municípios (AAM) e prefeito de Manaquiri, Jair Souto (MDB).