Anúncio

Renato vê semi difícil, mas diz que Grêmio sabe o que deve ser feito

O comandante considera o duelo difícil, mas diz que seu grupo tem bastante consciência do que deve ser feito após vencer a Copa Libertadores

técnico Renato Gaúcho deu a sua opinião sobre o Pachuca-Mex, adversário do Grêmio na semifinal do Mundial de Clubes. O comandante considera o duelo difícil, mas diz que seu grupo tem bastante consciência do que deve ser feito após vencer a Copa Libertadores.

“Uma semifinal é sempre muito difícil. Às vezes você vê uma partida de um adversário, você não vê tanta qualidade ou de repente a equipe não jogou tão bem. Mas todo mundo quer ganhar do Grêmio, todo mundo quer ganhar do Real Madrid. Então pode ter certeza essa semifinal vai ser bastante difícil”, disse o comandante, em entrevista à Grêmio TV.

“Por outro lado, eu fico um pouco mais tranquilo porque eu tenho um grupo bastante consciente, responsável. Nós assistimos ao jogo juntos e eles sabem exatamente o que deve ser feito. Até porque se nós vencemos a Libertadores de uma maneira, não tem porque mudar. Então essa consciência é fundamental”.

O Pachuca venceu o Wydad Casablanca-MAR no último sábado por 1 a 0 na prorrogação. Os jogadores do Grêmio assistiram à partida no hotel onde a delegação está hospedada, mas não viram o tempo extra porque tinham treino agendado no horário. Eles foram informados sobre quem seria o adversário pelo treinador durante a atividade.

Neste domingo, o Grêmio treina novamente para se preparar para a semifinal, às 15h no horário de Al Ain (EAU). A atividade acontecerá às 9 h pelo horário de Brasília. Com informações da Folhapress.