Renê Terra Nova anuncia vitória de Bolsonaro em 2022 “no nome de Jesus”! (ver vídeo)

O congresso que tinha o objetivo de consagrar novos pastores, ficou marcado por discursos políticos com claros objetivos eleitorais

Foto: Reprodução

Com a economia do Brasil combalida e sua popularidade em queda livre, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) acredita que vai garantir sua reeleição com o voto das igrejas evangélicas. Se depender de lideres evangélicos como o pastor Renê Terra Nova, da Igreja da Restauração, e a tríade de irmãos que comandam a Igreja Assembleia de Deus (IEADAM). Jonathas, Samuel e Silas Câmara, este último deputado federal, isso já está escrito.

Renê Terra Nova chegou inclusive a “profetizar” que Messias Bolsonaro ganhará a eleição do ano que vem “no nome de Jesus”. Isso aconteceu na manhã desta quarta-feira (27) em um encontro de pastores da Igreja Evangélica Assembleia de Deus no Amazonas (Ieadam). Durante o evento, ficou evidente que a intenção do congresso era conquistar o apoio do público religioso para as eleições de 2022.

Ao lado do pastor Renê Terra Nova, da Igreja da Restauração, Bolsonaro defendeu abertamente que as igrejas sejam usadas para pedir votos e criticou a cassação de mandato da vereadora de Luziânia (GO) Valdirene Tavares dos Santos, que usou o altar de uma igreja evangélica para fazer campanha eleitoral.

“Olha o que o TSE quis fazer a poucas semanas – através do voto do ministro Fachin – Queria cassar uma vereadora do estado de Goiás por abuso do poder religioso. Uma pobre coitada de uma senhora que estava em uma igreja bastante pequena e a pastora pediu para votar nela”, afirmou Bolsonaro.

Vale destacar que a Lei 9.504/97 proíbe a utilização de bens de uso comum, como templos religiosos, para propagandas eleitorais.

Em nome de Jesus

Ao final do discurso, Bolsonaro recebeu uma oração ministrada pelo pastor Renê, que usou o nome de Cristo para pedir vitória ao presidente e seu grupo políticos nas próximas eleições.

“Que toda cilada preparada para ele [Bolsonaro] caia por terra em nome de Jesus. Nós o abençoamos para esse templo e declaramos que sairá vitorioso em todo esse novo pleito que virá no nome do senhor Jesus Cristo. Amém”, clamou o pastor.

Aliado de Bolsonaro, o ex-superintendente da Zona Franca de Manaus, Alfredo Menezes, também foi ‘abençoado’ pelos religiosos para concorrer ao Senado Federal nas eleições de 2022.

“Coronel Menezes, eu entendo que o senhor é o único representante do governo federal no estado do Amazonas e que será nosso representante lá no senado. Tá certo?”, afirmou outro pastor no final do evento.

Também estiveram presentes no evento, o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), o deputado federal Silas Câmara (Republicanos), o ex-senador Magno Malta.

Em agenda não oficial, Bolsonaro ainda hoje deverá fazer uma visita à TV Acrítica, onde possivelmente será entrevistado pelo apresentador Sikêra Júnior. O presidente ficará na capital até as 22h.