Saul Canelo Alvarez e Oscar De La Hoya desejam revanche com Floyd Mayweather

REUTERS

O pugilista mexicano Saul Canelo Alvarez e o ex-boxeador americano Oscar De La Hoya ratificaram mais uma vez o desejo de uma revanche com o também aposentado Floyd Mayweather. Canelo participou de um programa na internet no qual afirmou que prefere uma segunda luta com Mayweather a uma terceira com o casaque Gennady GGG Golovkin. Em 2013, o mexicano, atual campeão dos supermédios da Associação Mundial de Boxe (AMB) e do Conselho Mundial de Boxe (CMB), perdeu para o americano por pontos.

Sem defender o cinturão dos médios desde maio de 2019, quando derrotou o americano Daniel Jacobs, Canelo abdicou do título da AMB. A sua intenção, como já havia anunciado anteriormente seu treinador Eddie Reynoso, é unificar os títulos dos supermédios. O mexicano já é campeão pela AMB, quando bateu no último dia 19 o britânico Callum Smith.

Seu próximo desafio já poderá ser em fevereiro em Guadalajara, no México, a sua cidade natal. Com isso, abre espaço para que o japonês Ryota Murata seja reconhecido como “supercampeão” da entidade nesta categoria e poderá ter um duelo contra o britânico Chris Eubank, campeão interino.

Já De La Hoya, durante o evento que teve como combate principal Ryan Garcia x Luke Campbell, em Dallas, nos Estados Unidos, voltou a dizer que vai voltar a lutar após mais de 12 anos de aposentadoria. A exemplo de Canelo, o “Golden Boy”, aos 47 anos, também revelou o desejo de enfrentar mais uma vez Mayweather para quem perdeu em 2005, por pontos.

Mayweather, de 43 anos, não luta oficialmente desde 2017 e ostenta um cartel invicto de 50 lutas, com 27 nocautes. O americano já anunciou que fará uma luta de exibição no dia 20 de fevereiro. O adversário será o youtuber Logan Paul, pugilista amador de 25 anos e uma das maiores personalidades da internet nos Estados Unidos.