Secretaria de Saúde de Manacapuru solicita suspensão do consumo de Tucumã após suspeita de intoxicação alimentar

Foto: Divulgação

A Secretaria Municipal de Saúde do município de Manacapuru (a 70,6 km de distância de Manaus), solicitou aos moradores da cidade, que deixem de consumir temporariamente o tucumã. O comunicado foi divulgado nesta quarta-feira (14), após algumas pessoas da comunidade do Irapajé, na Região do Rio Manacapuru, darem entrada no hospital local com casos de infecção alimentar após ingestão da fruta.

Em nota, a Semsa afirmou que os moradores apresentaram sintomas como diarreia, náuseas, vômito, dor gástrica intensa e febre. O órgão também afirmou que enviou amostras do tucumã consumido pelas pessoas para a Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM), em Manaus, para que as mesmas possam ser analisadas.

A orientação para que os moradores não consumam a fruta deve permanecer até que as análises possam concluir o que causou os casos de infecção alimentar nos habitantes da comunidade do Irapajé. Se for confirmada a ligação entre a fruta e os casos de infecção, o consumo e a comercialização do tucumã poderá ser suspenso em toda a cidade.

Leia o comunicado na íntegra: