Sem previsão de novas doses, vacinação de idosos entre 60 e 69 anos no Amazonas segue indefinida

Foto: Reuters

De acordo com ofício enviado aos Estados, o Ministério da Saúde pretende vacinar 121.889 idosos entre 60 e 69 anos no Amazonas ainda no mês de março. Porém, a meta enfrenta dificuldades de ser alcançada, visto que o envio de novas doses pelas fabricantes segue sem previsão.

A estimativa do MS é enviar 16,5 milhões de doses da AstraZeneca e 17,2 milhões de doses da Coronavac aos estados brasileiros. No mês de março, elas devem ser aplicadas em trabalhadores de saúde, idosos de 70 a 79 anos e os idosos de 60 a 69 anos, nessa ordem de prioridade quanto às idades.

No Amazonas, 65.080 idosos entre 60 e 64 anos receberão a Coronavac, equivalente a 57% da população dessa faixa etária no estado. Dos que possuem entre 65 a 69 anos, 18.532 serão imunizados com a Coronavac, o equivalente a 33% dessa faixa. Outros 38.277 receberão a dose 1 da AstraZeneca, 67% dos que estão nessa idade no Amazonas.

No ofício não é informado quando será enviada a dose 2 da AstraZeneca para esse público. Quanto à Coronavac serão enviadas as duas doses.

Em relação ao grupo de 70 a 79 anos no Amazonas, o cronograma informa que esse público já foi contemplado com dose 1 da AstraZeneca nos meses anteriores. Não há dados sobre a dose 2 do imunizante.

De acordo com o documento, a dose 2 da AstraZeneca será enviada em março ao Amazonas, mas para atender 26.282 trabalhadores da saúde. Outros 6.198 profissionais da saúde serão vacinados com a Coronavac.

No total, 154.369 pessoas devem ser imunizadas no mês que vem no estado. O Amazonas receberá do Ministério da Saúde 67.787 doses da AstraZeneca e 188.601 da Coronavac.

Fonte: Amazonas Atual