Senadores pressionam Bolsonaro por nome do Norte no Supremo em 2021

Presidente do Senado, Davi Alcolumbre, preside sessão extraordinária do Senado Federal – Foto: Divulgação

Senadores pressionam o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para que indique um ministro do Norte do país para a vaga que será aberta no próximo ano no Supremo Tribunal Federal (STF). A informação é da Folha de São Paulo.

Segundo a reportagem publicada no dia 25 de dezembro, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM), seria o principal defensor de um nortista no STF, no lugar do nome “terrivelmente evangélico” prometido por Bolsonaro à sua base.

A avaliação é que a indicação do piauiense Kassio Nunes Marques, que entrou na vaga aberta por Celso de Mello, teria sido um aceno ao Nordeste. Apesar de críticas da base de apoio mais radical e, sobretudo, evangélica.

Em julho de 2021, Marco Aurélio de Mello atingirá idade máxima e deixará a corte. Em live da véspera de Natal, Bolsonaro elogiou Nunes Marques e disse que o próximo a ser indicado seria “padrão dele”.

Segundo a publicação, circula nos bastidores que o ministro do STJ, Mauro Campbell, que é de Manaus, seja a sugestão de Alcolumbre para esta vaga que ficará aberta no STF.

Fonte: Jornal Opção