Shane, filho de Sinead O’Connor, morre aos 17 anos; jovem fugiu de hospital

Foto: Reprodução Daily Mail

Shane O’Connor, filho de Sinead O’Connor, foi encontrado morto ontem em Wicklow, na Irlanda, confirmou a polícia local. A cantora também confirmou a morte do garoto de 17 anos com um tuíte.

“Meu lindo filho Nevi’im Nesta Ali Shane O’Connor, luz da minha vida, decidiu encerrar sua luta terrena hoje e agora está com Deus. Que ele descanse em paz e ninguém siga seu exemplo. Meu bebê, eu te amo muito. Por favor, fique em paz”, escreveu a cantora.

Sinead ainda declarou que pretende processar o hospital onde Shane estava internado em observação após duas tentativas de suicídio na semana passada. O garoto escapou do local e estava desaparecido.

Shane desapareceu na quinta-feira e tinha sido visto pela última vez na cidade de Tallaght ainda ontem, pela manhã. Hoje a polícia da Irlanda confirmou que a busca por Shane havia sido suspensa e que um corpo encontrado ontem era mesmo do filho da cantora.

Shane é filho da cantora com o cantor folk Donal Lunny. Ele era um dos quatro filhos de Sinead, que ainda é mãe de Jake Reynolds, Roisin Waters e Yeshua Francis Neil Bonadio.

Assim que Shane desapareceu, na quinta-feira, Sinead O’Connor acionou a polícia e também recorreu às redes sociais para tentar localizar o garoto de 17 anos. A primeira mensagem, direcionada ao filho, foi publicada na quinta-feira.

“Essa é uma mensagem para o meu filho, Shane. Shane, não tem mais graça essa história de estar desaparecido. Você está me deixando muito assustada. Você poderia, por favor, fazer a coisa certa e se apresentar em uma estação da Gardaí [polícia irlandesa]. Se você está com Shane, por favor, ligue para a polícia para a segurança dele.”

No mesmo dia, Sinead continuou os apelos com uma mensagem carinhosa direcionada ao filho. “Shane, sua vida é preciosa. Deus não pincelou esse lindo sorriso em seu rosto para nada. Meu mundo entraria em colapso sem você. Você é meu coração. Por favor, não pare de bater. Por favor, não se machuque. Se entregue para a polícia e vamos levá-lo ao hospital.”

A cantora ainda questionou o hospital por ter deixado o filho dela escapar do local. “Eu quero saber por que o hospital Lynn Ward, em Taillight, que deveria supervisionar meu filho 24 horas por dia, 7 dias por semana, conseguiu deixá-lo fora de seu alcance esta manhã quando, 7 dias atrás, ele fez duas tentativas graves de suicídio.”

No dia seguinte, quando Shane foi encontrado morto, Sinead dedicou ao filho a canção “Ride Natty Ride”, de Bob Marley, que a inspirou a escolher o nome dele. “Isso é pelo meu Shaney. A luz da minha vida. A lâmpada da minha alma. Meu bebê de olhos azuis. Você sempre será minha luz. Nós estaremos sempre juntos. Nenhuma fronteira pode nos separar.”