Stiven Cano Gallego

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Ordem Política e Social (Deops), solicita a colaboração da população para divulgar a imagem do colombiano Stiven Cano Gallego, de 25 anos, que está desaparecido desde a noite do dia 28 de janeiro deste ano, quando saiu com mais cinco pessoas em uma embarcação do município de Tabatinga (a 1.108 quilômetros da capital) tendo como destino final Manaus.

De acordo com o Boletim de Ocorrência (BO) registrado na Deops, pela noticiante Geraldine Molina Quintero, no dia 2 de fevereiro, por volta das 14h33, os indivíduos saíram em um barco com passagem pelo município de Tonantins (distante 865 quilômetros de Manaus), e com destino a capital amazonense.

Ainda segundo o BO, Geraldine relatou que conversou o indivíduo na madrugada do dia 29 de janeiro, por volta das 2h, quando estava passando pelo município Santo Antônio do Içá (a 880 quilômetros da capital), e que desde então ele não entrou mais em contato e ela não teve mais notícias.

A delegada titular da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Tabatinga, Mary Anne Mendes, relatou que recebeu informações que os indivíduos estariam, supostamente, em uma área de mata no município de Tonantins. Após tomarem conhecimento do caso, as equipes da 54ª DIP de Tonantins, em conjunto com policiais militares, iniciaram as buscas no último sábado (20/02), em rios e áreas de difícil acesso, nas proximidades daquele município, porém não localizaram os indivíduos. As buscas seguem em andamento.

A delegada Catarina Torres, titular da Especializada, solicita a quem tiver informações sobre a localização do desaparecido que entre em contato com a Deops, por meio do telefone (92) 3214-2268 ou pelo 181, o disque-denúncia da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM).

A Deops está situada nas dependências da Delegacia Geral, na avenida Pedro Teixeira, 180, bairro Dom Pedro, em frente ao Centro de Convenções Professor Gilberto Mestrinho (Sambódromo), zona centro-oeste da cidade.