Suspeito de matar membro de facção criminosa é preso em Manaus

A polícia informou que o suspeito Paulo Martins da Costa, 29, deu apoio para Gelson Ramos Lima, o “Sombra”, 38

suspeito preso manaus

Foto: Jander Robson

Um homem identificado como Paulo Martins da Costa Filho, o “Paulinho”, 29, foi preso nesta quinta-feira (13), suspeito de participar na morte de Luís Felipe Dias Lima, 26, assassinado a tiros em maio de 2021.

A equipe de investigação da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) informou que o suspeito deu apoio para Gelson Ramos, popularmente conhecido como “Sombra”, preso em dezembro de 2021, apontado como responsável de efetuar os disparos contra a vítima.

Segundo o delegado Ricardo Cunha, titular da DEHS, disse que Paulo Martins se entregou na unidade policial acompanhado de um advogado e confessou o crime. Além disso, foi relatado em depoimento que o homicídio foi motivado por uma briga com a vítima, que pertence a mesma facção criminosa de Paulo e “Sombra”.

“A motivação do crime teria se dado pelo fato de Luís Felipe pertencer à mesma facção criminosa dos infratores, e estar levando problemas que estavam chamando a atenção da polícia para aquela área da cidade”, explicou.

Luís Felipe morreu após ser atingido por disparos de arma de fogo na perna e no abdômen, que segundo a polícia, teriam sido efetuados por “Sombra”. O delegado Ricardo Cunha informou que foram realizadas inúmeras procuras pelo suspeito, mas ele resolveu se entregar na sede da DEHS, localizada no bairro Jorge Teixeira, zona Leste de Manaus.

Paulo Martins será encaminhado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), para audiência de custódia, onde vai ficar à disposição da Justiça.