Suspeito de matar técnica em enfermagem é preso pela Polícia Civil

assassinato-tecnica de enfermagem

A Delegada Adjunta da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Débora Mafra, apresentou na tarde desta terça-feira (29), o empresário Alesson Pessoa Mota, 34, preso por policiais civis do 10° Distrito Integrado de Polícia (DIP). Ele foi preso em cumprimento a mandado de prisão por homicídio cometido contra a técnica em enfermagem, Viviane Costa de Castro, 35, ocorrido em 23 de maio de 2013, no bairro Cidade Nova, na Zona Norte.

O mandado de prisão foi expedido pela juíza Encarnação das Graças Sampaio Salgado, da 2º Vara Criminal, no dia 19 de dezembro de 2013. Os policiais localizaram o homem por volta das 17h30, de ontem (28), em via pública, na rua Vicente de Moraes, bairro Colônia Santo Antônio.Alesson era ex-companheiro da vítima.

assassinato-tecnica de enfermagem 2De acordo com as informações da Delegada Débora,a vítima dirigia o carro pela avenida Timbiras, bairro Cidade Nova, por volta das 6h30 do dia 23de maio de 2013, quando dois indivíduos em uma moto passaram ao lado do veículo e dispararam quatro tiros na técnica. “Viviane ainda dirigiu até um pronto socorro particular, mas não resistiu e faleceu”, informou.

Em depoimento, Alesson negou o crime e também não revelou os nomes dos comparsas. No dia 6 de junho de 2013 ele já havia sido preso suspeito do crime, em cumprimento a mandado de prisão, expedido em 5 de junho de 2013, pelo Juiz do 2º Tribunal do Júri, Anésio Rocha Pinheiro, mas foi liberado pela justiça. Segundo testemunhas, o assassino tinha ciúmes excessivos de ex-companheira e era agressivo.

O caso foi encaminhado para justiça e ele será indiciado pelo crime de homicídio (Artigo 121 do Código Penal Brasileiro). Após os procedimentos legais será conduzido à Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa.