Suspeitos de invadirem residência no Nova Esperança têm prisão preventiva decretada pela Justiça

O assalto na residência aconteceu na última segunda-feira (17)

Foto: Divulgação

Leandro Pontes Marques, Marcelo Germano Ykuno, Natanael Araújo e Lizete da Rocha Gadelha Queiroz, apontados como suspeitos de cometerem roubo em uma residência no bairro Nova Esperança, zona Oeste de Manaus, tiveram a prisão preventiva decretada pelo Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), durante Audiência de Custódia realizada nessa terça-feira (18).

A decisão é do juiz plantonista Eliezer Fernandes Junior, ele se baseou no art. 310, II combinado com o art. 312 do Código de Processo Penal, como garantia da ordem pública, tendo em vista a gravidade da ação supostamente cometida com violência e grave ameaça à pessoa e a possibilidade da reiteração delitiva pelos custodiados, para tomar a decisão.

“Ademais, por estarem presentes os pressupostos e requisitos legais da prisão, verifico a inviabilidade de substituição da prisão preventiva por qualquer medida cautelar diversa da prisão, considerando que não demonstra a concretude e eficiência processual, nos termos do artigo 282, §6.º, do Código de Processo Penal”, escreveu o magistrado em sua decisão.

Além do magistrado Eliezer Fernandes Junior, participaram da audiência de custódia a promotora de justiça plantonista, Solange da Silva Guedes Moura, o defensor público plantonista Everton Sarraff Nascimento, representando Marcelo Germano, Natanael Araújo e Lizete da Rocha. A advogada Edieri Maria Mousinho Abitibol representou Leandro Pontes.

O crime

Na última segunda-feira (17), por volta das 15h30, um bando armado invadiu uma residência na rua Álvaro Peres Filho, bairro Nova Esperança, zona Oeste de Manaus, e assaltou a casa. No momento da invasão, estavam na residência os proprietários — que já são idosos — e uma criança, de idade não informada.

Os bandidos levaram dois smartphones, três notebooks, uma mochila com ferramentas e ainda um veículo.

Após o roubo, uma guarnição que estava em patrulhamento abordou os ocupantes de um veículo Fiat, cuja atitude parecia suspeita.  Ao perceber a presença policial, um deles tentou fugir, mas foi capturado. Diante disso, a polícia teve certeza que se tratavam de criminosos e investiu nas buscas. Seguidamente,  outras duas pessoas se renderam.

(*) Com informações do TJAM